Atividades Planeadas

de investigação orientada de desenvolvimento experimental

O acompanhamento sistemático das Atividades de Investigação desenvolvidas em termos de melhoria contínua levou ao planeamento de novas ações.

No âmbito do ciclo de eventos denominado “O Imobiliário em Conversa”, este pretende-se contínuo, existindo já algumas iniciativas planeadas:

Ainda neste âmbito, a ESAI e a ESHTE consideram a oportunidade de celebrar no início de 2016 uma Formação Avançada na área da Gestão do Imobiliário Turístico com a realização do Programa de Formação Avançada: MBA de Gestão Imobiliária em Hotelaria.

Foram já firmados os protocolos com a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE) e o Instituto Politécnico de Bragança, tendo como objetivo a procura e criação de condições para a cooperação científica, pedagógica e técnica em ações consideradas de interesse comum, designadamente, fomentar a realização de cursos conjuntos, a promoção de qualificações profissionais nas áreas onde as instituições inserem as suas atividades e a troca de experiencias entre docentes, investigadores e discentes.

Estas parcerias irão promover o desenvolvimento de um programa de cooperação e assistência técnica nos seguintes âmbitos de atuação:

No âmbito da parceria com a Academia BAI, encontra-se prevista uma 3.ª edição do curso de Avaliação Imobiliária a 18 de janeiro de 2016 em Benguela, Angola.

Em fase de elaboração encontra-se uma parceria com a Universidade de Madrid para o desenvolvimento conjunto de um MBA na área da Avaliação Imobiliária, com dupla titulação e certificado pelo RICS (Royal Institution of Chartered Surveyors).

Considerando a criação pelo Decreto Lei n.º 43/2014, de 18 de março dos cursos técnicos superiores profissionais a serem ministrados no âmbito do ensino superior politécnico, a ESAI submeteu o requerimento de registo e criação de 3 cursos técnicos superiores profissionais para entrada em funcionamento no ano letivo de 2016 -2017:

Através do CICCOI, o docente e Presidente da ESAI Mestre Vítor Reis, irá continuar a liderar os dois projetos de criação de clusters (Portugal 2020, via o Programa Operacional Compete 2020, Eixo I – Reforçar as redes e outras formas de parceria e cooperação – clusters):

Também via o centro e no âmbito do Programa Local de Habitação de Lisboa da Câmara Municipal de Lisboa, o Mestre Vítor Reis, irá continuar a fazer o acompanhamento do plano estratégico para reabilitação urbana do parque habitacional de Lisboa.